Práticas discursivas x formas de poder

Novo Tópico   Responder ao tópico

Ir em baixo

Práticas discursivas x formas de poder

Mensagem por Thássia de Sá em Seg Set 10, 2018 5:32 pm

Foucault exprime sua inquietação sobre o que é dito ou não pelas pessoas. Neste sentido, Foucault friza que tudo que é discursivamente produzido em sociedade é controlado, é basicamente natural que nem tudo seja ou possa ser dito e não porque não existam meios ou palavras para expressar ou representar situações, mas porque as relações de poder não permitem que tudo seja dito, em quaisquer esfera social.
A educação, cita ele, deveria ser por excelência o meio de acesso a todos os tipos de discurso, no entanto vivenciamos isso a todo momento em nosso dia a dia, o fato de a educação estar a mercê das questões políticas, tornando-se uma ferramenta de doutrinação que, de modo geral, busca transformar ou promover a permanência do quadro em que se encontra determinada sociedade.
Francis Bacon apontou em uma frase que tornou-se famosa que "conhecimento é poder". Os discursos são produzidos, primeiramente, em espaços de poder, por ele permeado e disseminado, por quem o detém.

Thássia de Sá
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Práticas discursivas x formas de poder

Mensagem por Nazaré dos Santos Costa A em Seg Set 10, 2018 5:42 pm

Pois é Thaíssa, Foucault ainda completa dizendo que o texto permite inferências ainda não ditas, mas posto nas entrelinhas através do discurso. O novo não está explícito no texto, mas sugerido pelas possibilidades dos fatos.

Nazaré dos Santos Costa A

Mensagens : 7
Data de inscrição : 10/09/2018

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Apropriação Social do Discurso

Mensagem por Maria Florencia em Seg Set 10, 2018 8:04 pm

Achei interessante quando Focault coloca que todo sistema educacional é uma maneira política de manter ou modificar a apropriação dos discursos. Diante disso, pôde-se fazer uso da educação como arma política para manter e legitimar o discurso dominante ou ao contrario, usá-la para questionar, refletir e analisar o discurso sob a ótica de sua intencionalidade (quem fala, de onde fala é porque fala?) e dessa forma propor outra perspectiva sobre o discurso dito ou romper com a hegemonia política do discurso dominante. E aí se encontra a grande oportunidade do professor e ao mesmo sua Odisseia.

Maria Florencia
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Práticas discursivas x formas de poder

Mensagem por Rita Dias Nascimento em Seg Set 10, 2018 9:00 pm

Foucault traz o quão é amplo o jogo de interesses e poderes que permeiam os discursos, condicionado à época existente, atravessando a relação entre as práticas discursivas e os poderes controladores. E que a produção do discurso permeia a seleção com a valorização ou desvalorização dos discursos ao longo da História. Podendo explicitar tal relação observa-se a figura do portador de transtorno mental na Idade Média até os dias atuais por não obedecer os padrões sociais tem seu discurso "interditado".
Ainda buscando preservar os poderes hegemônicos, nos discursos há uma valorização da "vontade da verdade" porém somente a verdade( regras, leis, disciplinas, rituais, ordens, doutrinas) aceita e imposta pela sociedade vigente.Quem não correspondesse a essa verdade era excluído e considerado falso.



Rita Dias Nascimento

Mensagens : 8
Data de inscrição : 10/09/2018

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Práticas discursivas x formas de poder

Mensagem por Lais em Seg Set 10, 2018 10:51 pm

Infelizmente a educação não é neutra desse processo ordenado do discurso, ela legitima posições de privilégios e hierarquias dentro dos espaços educacionais. Devemos considerar o princípio da especificidade, apontado por Foucault. Deste modo, não se pode considerar o discurso em um jogo de significações prévias, pré-estabelecidas. Os discursos precisam ser decifrados, não se deve conceber que o mundo nos apresenta uma face legível que teríamos de decifrar apenas, ele não é cúmplice de nosso conhecimento. Assim, não podemos acreditar nos discursos postos, principalmente no âmbito da educação, precisamos considerar a especificidades desta área e fazermos uma análise pormenorizada dos contextos e das práticas. A educação precisa ser contextualizada.

Lais

Mensagens : 11
Data de inscrição : 10/09/2018

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Práticas discursivas x formas de poder

Mensagem por Fonseca em Ter Set 11, 2018 10:50 am

Diante do exposto pelas colegas, ressalto aqui o papel do professor como mediador no espaço escolar. A depender do seu posicionamento, o mestre pode "abrir" os olhos dos educandos de modo adequado à sua faixa etária, ou continuar fortalecendo o discurso dominante, enfraquecendo e calando sujeitos em formação.
Por essas e outras a práxis no ensino deve estar sempre no âmbito da ação>reflexão>ação>reflexão...
Por fim, nossas pesquisas nessas instituições precisam atuar no sentido de contribuir para desconstruir discursos que não permitem o desenvolvimento dos indivíduos ali presentes.
avatar
Fonseca

Mensagens : 5
Data de inscrição : 10/09/2018
Idade : 26

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Práticas discursivas x formas de poder

Mensagem por Juliana Mota Lima em Sex Set 14, 2018 11:28 pm

Foucault aponta que as relações de poder não permitem que tudo seja dito, em qualquer esfera social. É possível analisar essas relações de poder no ambiente educacional, no qual os currículos são organizados em uma perspectiva que contempla o discurso dos dominantes, sem necessariamente considerar a especificidade do contexto, da turma e de cada indivíduo. Dessa forma, para potencializar o processo de aprendizagem mais significativo é interessante possibilitar um espaço para reflexões e questionamentos, ou seja, a educação deveria ser um meio de acesso a diversos discursos.

Juliana Mota Lima

Mensagens : 8
Data de inscrição : 10/09/2018

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Práticas discursivas x formas de poder

Mensagem por Adailce em Dom Set 30, 2018 10:28 am

O discurso rodeado de desejo e poder consiste  numa maneira de imposição da verdade aos que escutam. Exerce a função de controle e limitação de regras ao circular na sociedade como absoluto e justo; excluem tudo que é exterior ao padrão. Quem se apropria do discurso se apossa  do poder estabelecendo relações desiguais  entre quem fala  e quem ouve. É dessa maneira que se estabelece o discurso do poder.
Refletindo a questão do poder da profissão, percebe-se que a ideologia do profissional é determinada pela  verdade imposta do poder social, validado sobre a estratégia  de direito privilegiado da construção e imposição do  conhecimento.  Entretanto, o profissional, aqui especificamente professor, se subverte e fortalece, na medida em que ele tem a autoridade peculiar de repensar, reformular  o discurso sobre esse conhecimento.

Adailce
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Práticas discursivas x formas de poder

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você pode responder aos tópicos neste fórum